A ARCA - A arte em ser do contra!
 
Menu du jour! Tutu Figurinhas: o nerd mais bonito e inteligente dessas paragens destila seu veneno! GIBI: Histórias em Quadrinhos, Graphics Novels... é, aquelas revistinhas da Mônica, isso mesmo! PIPOCA: Cinema na veia! De Hollywood a Festival de Berlim, com uma parada em Nova Jérsei! RPG: os jogos de interpretação que, na boa, não matam ninguém! ACETATO: Desenhos animados, computação gráfica... É Disney, Miyazaki e muito mais! SOFÁ: É da telinha que eu estou falando! Séries de TV, documentários... e Roberto Marinho não está morto, viu? CARTUCHO: Videogames e jogos de computador e fliperamas e mini-games e... TRECOS: Brinquedos colecionáveis e toda tranqueira relacionada! Tem até chiclete aqui! RADIOLA: música para estapear os tímpanos! Mais informações sobre aqueles que fazem A Arca Dê aquela força para nós d´A Arca ajudando a divulgar o site!
Artigo adicionado em 02/06/2003, às 11:15

O melhor da E3 2003
Nóis tarda mas não falha!

Por
Julio "R.Pichuebas" Almeida


Considerada a maior feira de entretenimento do mundo, a Eletronic Entertainment Expo (Ou E3, pra ficar mais fácil) de 2003 foi uma das menos interessantes que já acompanhei. Faltaram aquelas surpresas tradicionais como vários jogos sensacionais que surgiam praticamente do nada e anúncios de causar um terremoto na indústria, capazes de fazer com que nós, gamemaníacos, sentíssemos um frio na espinha. Todas os “anúncios” e “surpresas” da E3 2003 foram mais ou menos esperados e mesmo os que não eram esperados não surtiam um efeito “Whoa” no público.

Pois bem, aí vai um resumo do que aconteceu com cada um dos três consoles seguido de uma lista rápida com alguns dos jogos que achei mais interessantes. Boa leitura!

:: NINTENDO

Depois da E3 2001, onde o GameCube foi apresentado ao público e da E3 2002 onde as primeiras imagens de The Legend of Zelda: The Wind Waker, Metroid Prime e Super Mario Sunshine, sinto dizer que a Nintendo me deixou meio decepcionado na E3 2003.

Ela mostrou que vai dar muita ênfase para a conectividade entre o GBA e o GameCube a partir desse ano e, embora a idéia seja excelente e estejam surgindo novos títulos que realmente aproveitem esse recurso de forma criativa, estão sendo criados alguns jogos que nem 1/10 da população que gosta de videogame vai poder jogar de forma completa, como é o caso da versão de The Legend of Zelda: Four Swords para o GameCube, onde quatro jogadores controlam quatro Links na tela da televisão e cada vez que um deles entra em uma casa ou dungeon a ação passa para o GBA onde ele pode jogar sem seus companheiros nem imaginarem o que ele está fazendo. A idéia é ótima, mas quem vai conseguir arranjar quatro amigos com GBA e cabos para conectá-los ao GameCube?

Na apresentação para a imprensa foi apresentada uma versão de Pac Man para GameCube, onde três jogadores controlam os fantasmas em um labirinto 3D na televisão enquanto o jogador restante, através do GBA, tem a visão completa do labirinto como na versão clássica tendo assim que escapar dos fantasmas. Também foi discutido o apoio da Electronic Arts, que lançará uma nova versão de The Sims para GBA e GameCube. Ainda foram mostrados vídeos de jogos como 1080º Avalanche (GCN) e Final Fantasy Tactics Advance (GBA), mas o destaque mesmo foi o teaser sensacional da continuação de Metroid Prime, ainda sem nome e sem data de lançamento prevista.

Mas e a decepção? Isso vou deixar mais pra diante…

Final Fantasy Crystal Chronicles – O primeiro jogo da série Final Fantasy para o console da Nintendo foge totalmente dos padrões estabelecidos pelos jogos anteriores. Apesar de possuir um modo single player, o jogo se torna divertido mesmo quando jogado com quatro jogadores utilizando o GBA como controle. Utilizando batalhas em tempo real ao invés da tradicional batalha em turnos, os jogadores conseguem ter informações como mapas, dados do personagem e inventário na tela do GBA. Um dos jogos mais aguardados.
:: Baixe aqui o vídeo de FINAL FANTASY CRYSTAL CHRONICLES

Viewtiful Joe – Com um visual de revistas em quadrinhos e jogabilidade 2D com ação ininterrupta, Viewtiful Joe está se tornando um sonho de consumo para os donos do GameCube. Na E3 era um dos jogos que as pessoas mais queriam voltar pra jogar mais um pouquinho.
:: Baixe o vídeo de VIEWTIFUL JOE

Resident Evil 4 – Bonito? Sim. Horripilante? Com certeza. Abandonando os cenários pré-renderizados dos jogos anteriores, RE4 é totalmente em 3D, com um jogo de sombras e luzes de excelente qualidade. O jogo conta a história do retorno de Leon Kennedy, agora infectado com o vírus da Corporação Umbrella. Embora Shinji Mikami, criador da série, tenha dito “Não faça xixi nas calças”, o jogo mostra que irá fazer de tudo para que o jogador não tenha muita escolha.
:: Baixe aqui o vídeo de RESIDENT EVIL 4

Star Wars Rogue Squadron III: Rebel StrikeStar Wars Rogue Squadron II: Rogue Leader foi um jogo sensacional. A única coisa que faltou mesmo era um modo multiplayer. Agora em RSIII, além de ver as missões do primeiro jogo serem revisitadas em modo multiplayer existe a possibilidade de sair da nave e enfrentas os inimigos a pé ou cavalgando em um tauntaun! Os gráficos estão ainda melhores que em RSII, mas as missões a pé em terceira pessoa ainda precisam de alguns ajustes tanto no controle quanto na câmera. Este jogo já está na minha lista.
:: Baixe o vídeo de STAR WARS ROGUE SQUADRON III

F-Zero GX – Quando eles dizem que F-Zero é “a corrida para acabar com todas as corridas” não estão brincando! Jogo criado pela parceria da Nintendo com a Amusement Vision (da SEGA), ele está velocíssimo e muito bonito, com 30 carros ao mesmo tempo na tela. A jogabilidade continua a mesma do sensacional F-Zero X para o Nintendo 64, com algumas pequenas mudanças na hora de controlar o carro. O melhor de tudo será a possibilidade de criar seu próprio carro no videogame e depois levá-lo ao fliperama para jogar com ele em F-Zero AC, a versão arcade do jogo. A troca de informações entre os dois jogos está sendo muito bem explorada, com a possibilidade até mesmo conseguir novas partes para o carro pelo arcade e depois colocá-las no seu carro em casa pelo GameCube. Simplesmente sensacional.
:: Baixe aqui o vídeo de F-ZERO GX

Star Fox 2 – Mais um jogo feito de forma terceirizada utilizando personagens na Nintendo. Dessa vez ficou a carga da Namco de criar um shooter de alta qualidade. A demo multiplayer que estava na E3 foi recebida de maneiras diferentes. Por apresentar gráficos e jogabilidade bem simples e de não mostrar nada sobre o modo single player, muitas pessoas saíram meio desapontadas. Ainda é cedo para decidir alguma coisa sobre este jogo.
:: Baixe o vídeo de STAR FOX 2

Metal Gear Solid: The Twin Snakes – Pela união do criador da série Metal Gear, Hideo Kojima, do criador de The Legend Of Zelda e do Super Mario, Shigeru Miyamoto, e pela empresa responsável pela criação do jogo Eternal Darkness, Silicon Knights, surge este jogo, que une a história do primeiro Metal Gear Solid, aclamada pela imprensa como uma das melhores histórias escrita de todos os tempos, com a jogabilidade do segundo Metal Gear Solid. Um jogo que está ficando lindo, com novos movimentos e novas cenas com mais detalhes sobre a história e que mostra pela primeira vez o personagem Solid Snake no GameCube. Para quem não jogou o primeiro é uma excelente pedida e pra quem já jogou merece uma olhada.
:: Baixe aqui o vídeo de METAL GEAR SOLID: THE TWIN SNAKES

Fire Emblem – De vez em quando algumas coisas boas acontecem: finalmente um jogo da excelente série de RPG de estratégia da Intelligent Systems será traduzido para o inglês! Você controla um exército inteiro, cada soldado com a sua própria personalidade e habilidades diferentes, fazendo com que você tenha que usá-los de forma cuidadosa pois uma vez mortos estão mortos para sempre. Muitas missões e missões secundárias, todas muito bem planejadas, uma história cabulosa e gráficos muito legais para o GBA.
:: Baixe aqui o vídeo de FIRE EMBLEM

Mario Kart: Double Dash!! – Como que pode? Tinha tudo para este jogo ser um dos maiores da feira. Gráficos sensacionais, a possibilidade de conectar até oito GameCubes para criar uma Lan e cada um jogar em sua própria televisão, dois jogadores poderem jogar em um só kart – um dirigindo e outro atacando os demais – e novas pistas. Esse jogo seria perfeito se ele não fosse LENTO DEMAIS e se algumas das jogadas mais estratégicas do fantástico Mario Kart 64 como se defender de tiros de outros jogadores e de utilizar o turbo enquanto se está derrapando não tivessem sido RETIRADAS. A única coisa que os fãs da série podem fazer é torcer, já que o jogo ainda não está terminado e ainda tem tempo para corrigir essas falhas.
:: Baixe aqui o vídeo de MARIO KART: DOUBLE DASH!!

Veja também: Microsoft | Sony | Outros jogos e produtos

:: A ARCA, Eu Te Amo.
:: Review ::: DVD + CD ::: USED & ABUSED - IN LIVE WE TRUST (In Flames) - sem inagens
:: Review ::: DVD ::: THE ARSENAL OF MEGADETH (Megadeth) - sem imagens
:: Review ::: DVD ::: R30 - 30TH ANNIVERSARY WORLD TOUR (Rush) - sem imagens
:: RUNAWAY BRAIN: o curta-metragem esquecido do Mickey Mouse
:: CINE PARADISO NA VIDA REAL
:: Review ::: Show ::: EDGUY (Credicard Hall - São Paulo/SP - 03/11/2006)
:: Review ::: Show ::: LIVE 'N' LOUDER ROCK FEST (Anhembi - São Paulo/SP - 14/11/2006)
:: Review ::: CD ::: A TWIST IN THE MYTH (Blind Guardian)
:: Review ::: CD ::: WOLFMOTHER (Wolfmother)
>> Mais materias AQUI!

Quem Somos | Ajude a Divulgar A ARCA!
A ARCA © 2001 - 2007 | 2014